Presidente-Executivo-da-ABSOLAR-Rodrigo-Lopes-Sauaia-em-audiência-na-Câmara-dos-Deputados-scaled

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar) anunciou que o país passou da marca de meio milhão de conexões de geração própria de energia a partir da fonte solar fotovoltaica em telhados e pequenos terrenos. Nas contas da entidade, essa modalidade já instalou cerca de 5,8 GW de potência instalada desde 2012, atraindo R$ 29 bilhões em novos investimentos e agregando mais de 174 mil empregos acumulados no período.

A Absolar, contudo, avalia que o Brasil continua atrasado no uso da geração própria de energia solar, apesar do avanço nos últimos anos. A entidade chama atenção para o fato de menos de 0,7% dos mais de 87 milhões de consumidores de energia elétrica do país usarem o sol para produzir eletricidade.

Nesse sentido, a Absolar defende a aprovação do marco legal da geração distribuída (PL 5.829/2019), de autoria do deputado federal Silas Câmara e relatoria do deputado federal Lafayette de Andrada. Para a associação, o texto garantirá em lei o direito do consumidor de gerar e utilizar a própria eletricidade, a partir de fontes limpas e renováveis.

Com 5,8 GW em operação nos telhados e fechadas de residências, comércios, indústrias, propriedades rurais e prédios públicos do Brasil, a geração própria de energia solar já equivale a mais de um terço da potência instalada de Itaipu. São investimentos feitos diretamente pelos consumidores, sem depender de recursos do Governo. Os sistemas fornecem eletricidade limpa, renovável e competitiva justamente nos horários de maior demanda da sociedade, entre 11h e 18h. Isso ajuda a aliviar e desafogar a operação do sistema elétrico”, comentou o CEO da Absolar, Rodrigo Sauaia.

Fonte: https://petronoticias.com.br/brasil-passa-de-meio-milhao-de-conexoes-de-energia-solar-em-telhados-e-pequenos-terrenos/