SIILVA-LUNA

A alguns dias de deixar o comando de Itaipu, o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general Joaquim Silva e Luna, comemora o bom resultado operacional da usina no primeiro trimestre do ano. A unidade terminou o período com uma produtividade média de 1,0785 megawatt médio por metro cúbico por segundo (MWmed/m³/s). O índice é superior ao alcançado no primeiro trimestre de 2020, que ficou em 1,0758 MWmed/m³/s.

A produtividade da usina é calculada pela relação entre a quantidade de energia gerada e o volume de água que passou pelas unidades geradoras. O crescimento do índice significa que a hidrelétrica utilizou a água da forma mais proveitosa possível.

6066211c2c10320180106AM0458BaixaRes

Todo esse resultado é fruto de um trabalho conjunto das equipes binacionais da diretoria técnica, que está sempre pronta para assumir desafios e superá-los para garantir energia de qualidade para o Brasil e o Paraguai”, afirmou Silva e Luna. Como se sabe, o general foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para assumir a Petrobrás. Ele deve ser confirmado no cargo logo após a assembleia geral da petroleira, marcada para o próximo dia 12.

A produção de energia de Itaipu entre janeiro e março de 2021 ficou em 20,2 milhões de MWh. A quantidade é inferior à registrada no primeiro trimestre de 2020, que foi de 22,2 milhões de MWh, devido, principalmente, à escassez hidrológica.

Fonte: https://petronoticias.com.br/itaipu-bateu-recorde-de-produtividade-no-primeiro-trimestre-do-ano/