Julian-Fowles

Depois de adquirir 100% de participação no campo de Baúna, na Bacia de Santos, a australiana Karoon Energy fez mudanças na sua estrutura interna no Brasil. A empresa criou uma Unidade de Negócios específica para o país, que se reportará diretamente ao CEO e ao Diretor Executivo do grupo. Além disso, também foi criada uma nova e ampliada posição de vice-presidente executivo e presidente Karoon Brasil.

A Karoon Energy disse que começou uma busca global de executivos para preencher a nova função. Como resultado dessas mudanças, o posto de Gerente Geral da América do Sul, ocupado por Tim Hosking, será absorvido pelo novo cargo de presidente Karoon Brasil. Hosking, por sua vez, deixará a empresa no final de março. Suas funções serão assumidas interinamente pelo Diretor de Operações, Edward Munks.

De acordo com a empresa, essas mudanças permitirão a continuidade da produção de Baúna e a entrega do programa de intervenção de curto prazo no campo. Também está no planejamento o desenvolvimento de Patola, que deve ter decisão final de investimento (FID) no segundo trimestre deste ano.

A Karoon fez com sucesso a transição de explorador para produtor. Agora é hora de iniciar nossos planos para permitir o crescimento de curto prazo da Karoon nas principais bacias do sudeste do Brasil e formular nossa estratégia de longo prazo”, disse o CEO do grupo, Julian Fowles (foto). O executivo também acrescentou que a Unidade de Negócios Brasil será responsável por executar todos os negócios no país, com total responsabilidade pela entrega de produção segura, confiável e lucrativa dentro dos parâmetros definidos pela equipe executiva.

Fonte: https://petronoticias.com.br/karoon-energy-cria-unidade-de-negocios-no-brasil-e-busca-executivo-para-funcao-de-presidencia-no-pais/