812786e7-26ab-4339-a963-730df0be2af1

Os governos de Brasil e Japão assinaram um memorando de cooperação envolvendo tecnologias relacionadas à produção e ao uso de nióbio e grafeno. Com o novo acordo, os dois países poderão trocar informações para experimentos e exploração de aplicações desses dois materiais. A cerimônia de assinatura do evento aconteceu no Palácio Itamaraty, em Brasília.

Assinaram o memorando o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e o ministro de Negócios Estrangeiros do Japão, Toshimitsu Motegi. De acordo com o teor do memorando, o setor privado poderá participar da troca de experiências e parcerias em pesquisa e desenvolvimento. O objetivo do documento assinado é proporcionar uma cooperação mais estruturada no futuro, incluindo potenciais projetos conjuntos.

O acordo é fundamental porque o Japão é um país que tem alta tecnologia e nos une a ele na procura de explorar as capacidades do nióbio e do grafeno. Esses materiais são produtos do futuro, que vão alcançar toda a cadeia produtiva dos países, na parte industrial e no uso da tecnologia”, disse o secretário-executivo do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovações, Leonidas Medeiros.

Fonte: https://petronoticias.com.br/brasil-e-japao-assinam-parceria-para-uso-de-niobio-e-grafeno/