petrobras

A Petrobrás anunciou ao mercado nesta segunda-feira (16) que começou a venda de 50% de sua participação nas concessões de Marlim, Voador, Marlim Leste e Marlim Sul, denominadas em conjunto como Polo Marlim. A companhia se manterá como operadora dos ativos, com a fatia restante de 50%.

Em seu comunicado, a Petrobrás disse que o movimento não representa uma saída da empresa da Bacia de Campos e lembrou do projeto de revitalização do campo de Marlim, que prevê a instalação de três novos FPSOs na área – dois deles atualmente estão em construção na China.

“O estabelecimento de uma parceria em Marlim permite o compartilhamento de custos e riscos e, claro, de oportunidades. Esse movimento reforça a geração de caixa, importante não só para a redução da nossa dívida, mas garante os investimentos previstos no plano de renovação da Bacia de Campos”, disse o gerente executivo de Águas Profundas da estatal, Carlos José Travassos.

O projeto de revitalização de Marlim prevê ainda a interligação de mais de 100 poços aos sistemas já em operação, projetos de desenvolvimento complementar, a reorganização das malhas de escoamento e a recuperação de integridade de unidades existentes. Mais cedo, o Petronotícias informou sobre uma mega licitação para manutenção e reparo de plataformas na Bacia de Campos. A concorrência envolve muitas unidades que atualmente estão em Marlim.