1000x-1

O novo presidente dos EUA, Joe Biden, revogou a licença de construção do oleoduto Keystone XL, que transportaria óleo pesado das areias petrolíferas canadenses para a Costa do Golfo do México. A história do empreendimento é cheia de reviravoltas: ele chegou a ser suspenso na gestão de Barack Obama, em 2018, mas depois recebeu sinal verde de Donald Trump, em 2017.

Estimado em US$ 8 bilhões, o oleoduto seria construído entre Alberta, no Canadá, e as refinarias do estado americano de Nebraska. A linha seria conectada à rede já existente de oleodutos nos EUA, chegando às refinarias do sul do Texas, quase na fronteira com o México.

Nos últimos dias, o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, tratou do tema com Biden e outras autoridades americanas para tentar defender a manutenção do projeto. Mas as conversas aparentemente não surtiram efeito. Em um comunicado, Trudeau declarou que está decepcionado com a decisão, mas aprecia o compromisso de Biden com a questão climática.

A TC Energy, empresa responsável por tocar o empreendimento, declarou que irá suspender as obras e também se disse decepcionada com a decisão do novo presidente americano. A companhia acrescentou ainda que “examinará a decisão, avaliará suas implicações e estudará suas opções”.

Fonte: https://petronoticias.com.br/joe-biden-revogou-a-licenca-de-construcao-do-oleoduto-keystone-xl/